Caracterização de internações hospitalares por acidente vascular encefálico na cidade de Passo Fundo – RS

Rodrigo Costa Schuster, Janaine Cunha Polese, Silvia Lanziotti Azevedo Silva, Viviane Perin, Yolanda Petterson Seben

Resumo


Objetivos: Objetivou-se neste estudo caracterizar os pacientes internados com diagnóstico de Acidente Vascular Encefálico (AVE) em dois hospitais de Passo Fundo (RS). Métodos: Foi realizada uma pesquisa retrospectiva, com coleta de dados em prontuários dos hospitais. Foram colhidas informações sobre sexo, raça, idade, local de origem, tipo de AVE e de solicitação de fisioterapia de 775 pacientes internados, durante o período de março de 2005 a março de 2006. Foi feita uma análise descritiva dos dados. Resultados: Entre os prontuários avaliados, 53,68% eram de pacientes do sexo masculino, 30,74% na faixa etárea entre 70 e 79 anos. O AVE isquêmico acometeu 83,14% dos sujeitos, a maioria da raça branca. Dos participantes, 62,84% realizaram fisioterapia motora, respiratória ou ambas. Conclusão: Tais resultados permitiram traçar um perfil do paciente que sofre de AVE na cidade de Passo Fundo e região, ressaltando a importância no conhecimento desses pacientes, em busca de medidas possíveis de prevenção e de tratamento.

Palavras-chave


Acidente cérebro-vascular; Fisioterapia; Hospitalização.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v8i4.2004

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2009 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.