Educação física escolar pelo viés semiótico

Priscila Fátima da Silva Fiel, Marcia do Carmo Felismino Fusaro

Resumo


A Semiótica, ciência de estudo dos signos, inaugurada no século XIX por C. S. Peirce, pode ser aplicada a inúmeros contextos, incluindo o da educação. A Educação Física Escolar (EFE), disciplina obrigatória por lei no ensino básico, revela toda uma relação intrínseca aos signos do corpo e da imagem. A essência deste artigo é propor, pelo viés da Semiótica, um diálogo com a Educação Física Escolar, entendendo-se que esta disciplina lida com a prática corporal na construção de significados que se viabilizam por meio do corpo em movimento. Diante deste cenário, propõe-se maiores reflexões sobre o fato de que entender a interação entre alunos e professores como formadora de signos, na dinâmica das aulas, pode proporcionar um maior aprofundamento nas pesquisas educacionais sobre os signos relacionados ao corpo e à imagem na Educação Física Escolar.


Palavras-chave


educação física escolar; semiótica; corpo; imagem

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU. Samara Moura Barreto de; SABÓIA, Wilson Nóbrega; NOBREGA-THERRIEN. Silvia Maria. Formação docente em educação física: perspectivas de uma racionalidade pedagó-gica do corpo em movimento. Educação & Formação, v. 4, n. 12set/dez, 2019, p. 191-206.

BALDISSERA, Rudimar. Significação e comunicação na construção da imagem-conceito. Fronteiras-estudos midiáticos, v. 10, n. 3, 2008, p. 193-200.

BETTI, Mauro; SILVA, Eliane Gomes da; SILVA, Pierre Normando Gomes da. Uma gota de suor e o universo da educação física: um olhar semiótico para as práticas corporais. Revista Kine-sis, v. 31, n.1, jan/jul 2013, p. 91-106.

BETTI, Mauro et al. Por uma didática da possibilidade: implicações da fenomenologia de Mer-leau-Ponty para a educação física. Revista brasileira de ciências do esporte, v. 28, n. 2, 2007, p. 39-53.

BETTI, Mauro. Educação física e cultura corporal de movimento: uma perspectiva fenomeno-lógica e semiótica. Journal of Physical Education, 2007, n.18.2, p. 207-217.

BRACHT, V. Cultura corporal, cultura de movimento ou cultura corporal de movimento? In: SOUZA JÚNIOR, M. Educação Física Escolar: teoria e política curricular, saberes escolares e proposta pedagógica. Recife: EDUPE, 2005. p. 97-106.

COCCHIERI, Tiziana et al. O signo e a experiência: a lógica semiótica de Charles Sanders Peir-ce. Tese de doutorado. Rio Grande do Sul: PUCRS, 2018.

COSTA, Naiana Thaíssa Menezes; SILVA, Alan Camargo. Corpo e educação física escolar no ensino médio: a visão dos alunos. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 36, 2016.

DAÓLIO, Jocimar. Educação física escolar: em busca da pluralidade. Revista Paulista de Educa-ção Física, 1996, p. 40-42.

FARIAS. Priscila L. Semiótica e Cognição: os conceitos de hábito e mudança de hábito em C.S. Peirce. Revista eletrônica informação e cognição, v. 1, n. 1, 1999, p. 12-16.

GAYA. Adroaldo. A reinvenção dos corpos: por uma pedagogia da complexidade. Sociologias, n. 15, 2006, p. 250-272.

PAIVA, Bruna Eliza; BETTI, Mauro. O “se-movimentar” como uma experiência do viver: um olhar a partir da semiótica peirceana. In: III CONPEF-Congresso Norte Paranaense de Educação Física Escolar, 2007, p. 1-14.

SANTAELLA, Lucia; NÖTH, Winfried. Imagem: cognição, semiótica, mídia. Sãao Paulo: Ilu-minuras, 2020.

SANTAELLA, Lucia. Culturas e artes do pós-humano: da cultura das mídias à cibercultura. São Paulo: Paulus, 2010.

SANTAELLA, Lucia. Corpo e comunicação: sintoma da cultura. São Paulo: Paulus, 2004.

SANTAELLA, Lucia. O que é semiótica. São Paulo: Brasiliense, 1983.

TAHARA, Alexander Klein; DARIDO, Suraya Cristina. Práticas corporais de aventura em au-las de educação física na escola. Conexões, v. 14, n. 2, 2016, p. 113-136.




DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v20n1.19504

Direitos autorais 2021 Cadernos de Pós-graduação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Cadernos de Pós-graduação
e-ISSN: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br

Cadernos de Pós-graduação ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional