Tecnologias assistivas nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem dos cursos técnicos a distância do CEFET-MG: Quais as possibilidades?

Lívia de Cássia Silvia, Mariana Alves Batista Costa, Marcia Gorett Ribeiro Grossi

Resumo


O objetivo desse artigo foi verificar se as tecnologias assistivas desenvolvidas para os portadores de deficiência visual e/ou auditiva estão incorporadas nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem dos cursos técnicos a distância do CEFET-MG e, como os profissionais envolvidos nestes cursos percebem a questão da acessibilidade em suas rotinas acadêmicas. A partir dos resultados encontrados, foi possível verificar que a acessibilidade, no que se refere aos portadores de deficiência visual e/ou auditiva, no contexto educacional dos cursos analisados ainda não é uma realidade. Porém, foi interessante perceber que essa questão é uma preocupação dos profissionais que atuam nesses cursos e, que a sua incorporação no Moodle é viável tecnicamente.


Palavras-chave


Educação a distância. Educação especial. Tecnologias assistivas. Acessibilidade

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v16n2.7584

Direitos autorais



Cadernos de Pós-graduação
e-ISSN: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br

Cadernos de Pós-graduação ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional