Democracia, participação e gestão educacional: diálogos nos escritos freireanos

Katia Cristina Custódio Ferreira Brito, Ângela Noleto da Silva, Ana Gabriela Ferreira Brito

Resumo


Este artigo propõe uma análise dos conceitos de participação e democracia apresentados por Paulo Freire em seus diversos escritos. O objeto da pesquisa consiste no postulado teórico de Paulo Freire no que se refere a esses conceitos. A questão formulada visa identificar como se apresentam e se relacionam na obra freireana os conceitos de democracia e participação e em que medida possibilitam sua reconstrução em tempos de retorno a práticas e regulamentações conservadoras no âmbito educacional. Com objetivos exploratórios, abordagem qualitativa e estudos bibliográficos, identificou-se nos escritos do autor uma sequência de análises que propicia o entendimento da relação entre os conceitos e a possibilidade de diálogo, de compreensão do outro e de recondução para novos caminhos. Observam-se reflexões que explicitam a democracia como caminho do educar e do ser mais. Ademais, concluiu-se que tais conceitos não possuem valor em si só, mas na prática cotidiana.

 


Palavras-chave


democracia; gestão escolar; participação; Paulo Freire

Texto completo:

PDF

Referências


FREIRE, P. Educação como Prática da Liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra. 1967.

FREIRE, P. Ação cultural para a liberdade e outros escritos. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

FREIRE, P. Cartas à Cristina: reflexões sobre minha vida e minha práxis. São Paulo: Paz e Terra, 1997.

FREIRE, P. Política e educação: ensaios. 5. e d. São Paulo: Cortez, 2001.

FREIRE, P. A educação na cidade. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2005.

FREIRE, P. Educação e mudança. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

FREIRE, P. Pedagogia da Esperança: um reencontro com a Pedagogia do Oprimido. 16. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2009.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 31. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2014.

LIMA, L. C. A escola como organização educativa: uma abordagem sociológica. São Paulo: Cortez, 2003.

LIMA, L. C. Organização escolar e democracia radical. Paulo Freire e a governação democrática da escola pública. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

SME/SP. SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO. Construindo a educação pública popular. São Paulo: Município de São Paulo, 1989.

SME/SP. SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO. Planejamento. Instrumento de mobilização popular. São Paulo: Município de São Paulo, 1992.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n57.15797

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional