Plano de Ações Articuladas (PAR): discursos de professores sobre a escola do campo em Bragança-PA

Raquel Amorim dos Santos, Rogerio Andrade Maciel, Erica Neiza Ramos Souza

Resumo


 O presente artigo analisa os discursos de quatro professores em duas Escolas do Campo, considerando o Plano de Ações Articuladas (PAR) em Bragança-PA. A metodologia de pesquisa é qualitativa. A coleta de dados foi feita por meio de questionário e entrevista semiestruturada, com uma amostragem constituída de quatro professores que atuam em duas Escolas do Campo. Os dados coletados foram organizados, tabulados e interpretados a partir da Análise do Discurso (AD), com a transcrição total ou parcial dos discursos, considerados mais expressivos. É fato que os investimentos do PAR para o Município de Bragança-PA apresentam-se como fator de transformação na infraestrutura de algumas Escolas do Campo, no entanto, essa política precisa se adequar as especificidades das comunidades campesinas e considerar as opiniões dos profissionais que atuam diretamente nesses espaços, visto que, a infraestrutura é um fator importante que contribui para a qualidade do ensino e da aprendizagem dos alunos do campo em Bragança-PA.

 


Palavras-chave


plano de ações articuladas; educação do campo; qualidade do Ensino-aprendizagem

Texto completo:

PDF

Referências


BELTRAME, M. B., MOURA, G. R. S. Edificações escolares: infraestrutura necessária ao processo de Ensino e aprendizagem escolar. Revista eletrônica Travessias, Cascavel, v. 3, n. 2, p. 1-15, 2009. Disponível em:

http://e-revista.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/3378/0. Acesso em: 8 nov. 2017.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 14 fev. 2018.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras providências. Brasília: Câmara dos Deputados, 2014.

BRASIL. Diretrizes operacionais para a educação básica das escolas do campo. Brasília: MEC, 2013.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília: Casa Civil da Presidência da República Federativa do Brasil, 1996.

BRASIL. Decreto nº 6.094, de 24 de abril de 2007. Dispõe sobre a implementação do Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação, pela União Federal, em regime de colaboração com Municípios, Distrito Federal e Estados, e a participação das famílias e da comunidade, mediante programas e ações de assistência técnica e financeira, visando a mobilização social pela melhoria da qualidade da educação básica. Brasília, DF, Presidência da República. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/decreto/d6094.htm

Acesso em: 15 set. 2018.

BRASIL. Decreto nº 7.352, de 4 de novembro de 2010. Dispõe sobre a política de educação do campo e o Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária - PRONERA. Brasília, DF, Presidência da República. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/decreto/d7352.htm.

Acesso em: 15 set. 2018.

BRASIL. Lei nº 7.853, de 24 de outubro de 1989. Dispõe sobre o apoio às pessoas portadoras de deficiência, sua integração social, sobre a Coordenadoria Nacional para Integração da Pessoa Portadora de Deficiência - Corde, institui a tutela jurisdicional de interesses coletivos ou difusos dessas pessoas, disciplina a atuação do Ministério Público, define crimes, e dá outras providências. Brasília, DF, Presidência da República. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L7853.htm. Acesso em: 15 set. 2018.

BRASIL. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Disponível em: http://www.fnde.gov.br/programas/par?view=default. Acesso em: 16 dez. 2017.

BRASIL. Manual Técnico-operacional do Módulo de Monitoramento do Plano de Ações Articuladas (PAR). Brasília: MEC, 2009.

CANDAU, V. M. A didática em questão. Petrópolis: Vozes, 2012.

CARREIRA, D.; PINTO, J. de R. Custo aluno qualidade inicial: rumo a uma educação pública de qualidade no Brasil. São Paulo: Global, 2007.

DOURADO, L. F.; OLIVEIRA, J. F.; SANTOS, C.A. A qualidade da educação: conceitos e definições. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2007.

FERREIRA, E. B; FONSECA, M. O planejamento das políticas educativas no Brasil e seus desafios atuais. Revista Perspectiva, Florianópolis, v. 29, n. 1, p. 69- 96, jan./jun. 2011.

HAGE, S. A. M. A multissérie em pauta: para transgredir o paradigma seriado nas escolas do campo, 2008. Disponível em: https://www.faced.ufba.br/sites/faced.ufba.br/files/multisserie_pauta_salomao_hage.pdf.

Acesso em: 30 mar. 2018.

LOBO, G. M. O.; BARBALHO, M. G. C. O. Plano de ações articuladas e a base legal para sua formulação. In: LOBO, G. M. O.; BARBALHO, M. G. C. O. Dimensões do PAR: contextos e estratégias de implementação. Campinas: Mercado de Letras, 2017. p.75-98.

MARCONI, M. de A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, elaboração, análise e interpretação de dados. 5. ed. São Paulo. Atlas, 2002.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento. 9. ed. São Paulo: Hucitec, 2006.

ORLANDI, P. E. Análise de discurso: princípios e procedimentos. 3. ed. Campinas: Unicamp, 2001.

SÁTYRO, N; FERREIRA, E. B; SOARES, S. A infraestrutura das escolas brasileiras de ensino fundamental: um estudo com base nos censos escolares de 1997 a 2005. Textos para Discussão, n. 1267. Brasília: IPEA, 2007.

SANTOS, R. A. dos. In: visibilidade negra: representação social de professores acerca das relações raciais no currículo escolar do Ensino Fundamental em Ananindeua (PA). 2009. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Pará, Belém, 2009.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n58.15976

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional