Um olhar sobre o curso de pedagogia: práticas docentes predominantes.

Tania Mara Zancanaro Pieczkowski

Resumo


Distintas tendências pedagógicas orientaram práticas docentes em cada tempo histórico, muito embora, mesmo que predominantes, não se apresentem como exclusivas de uma época. O problema de pesquisa que orientou o estudo assim se constitui: As práticas pedagógicas nas aulas do curso de Pedagogia fortalecem o protagonismo estudantil no processo de ensino e aprendizagem? O estudo objetivou identificar quais são os elementos pedagógicos predominantes nas práticas pedagógicas de professores formadores do curso de Pedagogia durante as aulas e como os estudantes avaliam essas metodologias. As materialidades empíricas foram obtidas por meio de questionários, com questões fechadas e abertas, aplicados a estudantes dos períodos finais do curso de Pedagogia e examinados por meio da Análise de Conteúdo. O estudo evidenciou que ensinar não se resume à transmissão de saberes elaborados por outros. É preciso mobilizar o estudante para a elaboração do conhecimento.

 

 


Palavras-chave


Pedagogia; Práticas docentes; Tendências pedagógicas; Protagonismo estudantil

Texto completo:

PDF

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Trad. Luis Antero Reto e Augusto Pinheiro. São Paulo: Martins Fontes, 1977.

BRASIL. Decreto-lei nº 1.190, de 4 de abril de 1939. Dá organização à Faculdade Nacional de Filosofia. Diário Oficial da União - Seção 1 de 06/04/1939. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/declei/1930-1939/decreto-lei-1190-4-abril-1939-349241-publicacaooriginal-1-pe.html. Acesso em: 19 mar. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução CNE/CP 1, de 15 de maio de 2006. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Pedagogia, licenciatura. Brasília, 16 de maio de 2006. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/rcp01_06.pdf. Acesso em: 19 mar. 2021

BRZEZINSKI. Iria. Pedagogia, Pedagogos e Formação de Professores: busca e movimento. 9. ed. Campinas/SP: Papirus, 2012.

CHARLOT, Bernard. A pesquisa educacional entre conhecimentos, políticas e práticas: especificidades e desafios de uma área de saber. Revista Brasileira de Educação, v. 11 n. 31 jan./abr. 2006. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-24782006000100002&script=sci_abstract&tlng=pt

Acesso em: 19 mar. 2021.

COSTA, Marisa Vorraber. Apresentação. In: COSTA, Marisa Vorraber (Org.). Caminhos investigativos II: outros modos de pensar e fazer pesquisa em Educação. 2. ed., Rio de Janeiro: Lamparina, 2007, p. 2.

COSTA, Marisa Vorraber. Uma agenda para jovens pesquisadores. In: COSTA, Marisa Vorraber (Org.). Caminhos investigativos II: outros modos de pensar e fazer pesquisa em Educação. 2. ed., Rio de Janeiro: Lamparina, 2007, p. 139-153.

CUNHA, Maria Isabel da. O bom professor e sua prática. 2. ed. Campinas, SP: Papirus Editora, 1992.

CUNHA, Maria Isabel. Pedagogia universitária. In: MOROSINI, Marilia Costa. Enciclopédia de Pedagogia Universitária. Glossário. Vol. 2. INEP/RIES: Brasília. p. 445, 2006.

GALVÃO, Afonso; CÂMARA, Jacira; JORDÃO, Michelle. Estratégias de aprendizagem: reflexões sobre universitários. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 93, n. 235, p. 627-644, set./dez. 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2176-66812012000400006&script=sci_abstract&tlng=pt

Acesso: 19 mar. 2021

LARROSA, Jorge Bondía. Notas sobre experiência e saber de experiência. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro: Autores Associados, n. 19, jan./abr. 2002. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbedu/n19/n19a02.pdf

Acesso em: 19 mar. 2021

LIBÂNEO, José Carlos. Democratização da Escola Pública: A pedagogia crítico-social dos conteúdos. 21. ed., São Paulo: Loyola, 2006.

OLIVEIRA, Marta Kohl de. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento - um processo sócio-histórico. São Paulo: Scipione, 1997.

PIECZKOWSKI, Tania Mara Zancanaro. Mediação pedagógica na relação com universitários com deficiência. Educação Santa Maria, v. 44, 2019 Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao

Acesso em: 19 mar. 2021.

SAMPAIO, Rita Karina Nobre; POLYDORO, Soely Aparecida Jorge; ROSÁRIO, Pedro Sales Luís de Fonseca. Autorregulação da aprendizagem e a procrastinação acadêmica em estudantes universitários. Cadernos de Educação. FaE/PPGE/UFPelPelotas, n. 42, p. 119 - 142, mai./ago. 2012. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/caduc/article/view/2151

Acesso em: 19 mar. 2021

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia: o espaço da educação na universidade. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, vol. 37, n. 130. jan./abr. 2007.

VIGOTSKI, Lev Semenovitch. Fundamentos da defectologia: obras completas. Ciudad de La Habana: Pueblo y Educación, 1989. T. V.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n56.8487

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Eccos - Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional