A ciência em Luis António Verney: algumas considerações

Verônica Alves dos Santos Conceição, Cristiane de Magalhaes Porto

Resumo


O estudo aborda a Ciência a partir do pensamento de Luis António Verney (1713-1792) em sua obra O Verdadeiro Método de Estudar (1746). Tem por objetivo analisar como a Ciência se apresenta na proposta verneyniana de reformulação do sistema de ensino português, no século XVIII, ao tempo em que dialoga com as concepções emergentes de Ciência na Europa Oitocentista e com a tradição religiosa, católica, que marca a formação do autor. O texto se constitui como uma revisão bibliográfica de base teórica. Como resultado, constata-se que os aspectos internos da obra refletem o contexto socioeconômico e o cultural da Europa alinhados a formação religiosa de Verney. Conclui-se que o desenho de educação pensada para Portugal nasce da coexistência da Filosofia, da Ciência e da Religião. 

 

 

 


Palavras-chave


Ciência moderna; Método científico; Verdade; Companhia de Jesus; Congregação do oratório

Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, Mohana Ribeiro. Revolução científica e nascimento da Ciência experimental em Alexandre Koyré. 2013. 110 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Programa de Pós-graduação em História, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2013. Cap. 01. Disponível em: https://repositorio.bc.ufg.br/tede/bitstream/tde/3031/5/Dissertacao Mohana R Barbosa.pdf . Acesso em: 24 nov. de 2020.

BACON, Francis. Novum Organum ou verdadeiras indicações acerca da interpretação da natureza. Trad. e notas de José Aluysio Reis, Pará de Minas: M&M Editores, 2003.

CHAUÍ, Marilena. Convite à Filosofia. São Paulo: Ática, 1998.

DESCARTES, René. Discurso sobre o Método. Trad. de J Guinsburg e B. Prado Júnior. São Paulo. Nova Cultural, 1996. (Col. Os Pensadores).

DE ANDRADE, António Alberto Banha. Verney e a projecção de sua obra. Portugal: Instituto de Cultura Portuguesa, 1980.

FERREIRA, Breno Ferraz Leal. Contra todos os inimigos – Luis Antonio Verney: historiografia e método crítico (1736 – 1750). 2009. Dissertação (Mestrado em História Social) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-01122009-110924/pt-br.php. Acesso em: 02 nov. de 2020.

FERREIRA, Breno Ferraz Leal. Economia da Natureza: a História natural entre a Teologia Natural e a Economia Política (Portugal e Brasil 1750-1822). 2016. 233 f. Tese (Doutorado) - Curso de História Social, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: file:///C:/Users/Ver%C3%B4nica%20Alves/Downloads/2016_BrenoFerrazLealFerreira_VCorr.pdf . Acesso em: 24 nov. de 2020.

HENRY, John. A Revolução Científica e as Origens da Ciência Moderna. Trad. de Maria Luíza X. de A. Borges. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1998. (Ciência e Cultura).

LOCKE, John. Ensaio acerca do entendimento humano. 2ª ed. Trad. de Anoar Aiex Opinião. São Paulo: Abril Cultural, 1983. Coleção os Pensadores.

MENDES, Alexandre Claro. O Verdadeiro Método de Estudar: o impasse entre o antigo e o moderno. 2006. 92 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de História da Ciência, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: https://tede2.pucsp.br/bitstream/handle/13335/1/AlexandreMendes.pdf . Acesso em: 24 nov. de 2020.

OLIVEIRA, Daniel de Lara. Ciência Moderna e Newtonianismo no Projeto Pedagógico de Luis António Verney. 2011. 150 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de História Social, Universidade de São Paiulo, São Paulo, 2011. Disponível em: file:///C:/Users/Ver%C3%B4nica%20Alves/Downloads/2011_DanielDeLaraOliveira_VRev%20(2).pdf . Acesso em: 24 nov. 2020.

RUCKSTADTER, Vanessa Campos Mariano. Luis António Verney e o Projeto Pedagógico Modernizador do Reino Português: uma análise do Verdadeiro Método De Estudar (1746). 2012. 263 f. Tese (Doutorado) - Curso de Educação, Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2012. Disponível em: http://www.ppe.uem.br/teses/2012%20-%20Vanessa%20Ruckstadter.pdf . Acesso em: 24 nov. de 2020.

SILVA, Iverson Geraldo da. O projeto anti-jesuítico: Verney, os oratorianos e a aliança com o estado português. Sacrilegens, Juiz de Fora, v. 10, n.2, p. 96-108, jul-dez/2013 – Disponível em: http://www.ufjf.br/sacrilegens/files/2014/07/10-2-8.pdf. Acesso em: 24 nov 2020.

VERNEY, L. A. O Verdadeiro Método de Estudar. Vol. 1 (Cartas I-IV). Lisboa: Sá da Costa, 1949.

VERNEY, L. A. O Verdadeiro Método de Estudar. Vol. 2. (Cartas V-VII). Lisboa: Sá da Costa, 1950.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n55.13274

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2020 Todos os direitos reservados.