As possibilidades do olhar estético do afeto: o projeto olhar complexo

Lia Beatriz Teixeira Torraca

Resumo


O olhar estético do afeto foi desenvolvido durante o curso de doutorado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGD UFRJ), buscando oferecer uma alternativa no enfrentamento da violência no Rio de Janeiro a partir da hipótese que esta violência é a projeção de uma dinâmica circular de comunicação, sendo possível alterá-la através da estética. É a possibilidade de transformar o ver em olhar a partir da experiência perceptiva em uma cidade cuja projeção de imagens rotuladas instauram um fluxo permanente de manifestações de violência entre dois territórios, entre morro e asfalto. Uma técnica que pretende não só fazer visível as formas dessa violência, mas transformar a percepção sobre aquilo que é comunicado como violência. É o afeto que faz possível desfocar-me para focar no outro através do olhar do outro, tal como Maurice Merleau-Ponty apontou em sua Fenomenologia da Percepção, adotada como metodologia de pesquisa. A Fotografia pode ser o medium desta técnica que “faz ver” e “faz agir sobre”, tendo o afeto como lente. A partir da pesquisa empírica junto ao Projeto Olhar Complexo, criado e dirigido pelo Fotógrafo Bruno Itan, sediado no Complexo do Alemão, o curso de Fotografia materializou-se como possibilidade de um olhar estético do afeto, um meio para reterreritorializar  a cidade através do afeto e construir outro real, outra imagem.

 


Palavras-chave


Comunicação; Educação; Estética; Fotografia; Violência.

Texto completo:

PDF

Referências


ARENDT, Hannah. A Condição Humana. 10. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2007.

AZOULAY, Ariella. The Civil Contract of Photography. New York: Zone Books, 2008.

BARTHES, Roland. A câmara clara: nota sobre a fotografia. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

BENJAMIN, Walter. Escritos sobre mito e linguagem (1915-1921). 2. ed. São Paulo: Editora 34, Coeditado pela Livraria Duas Cidades, 2013.

BENJAMIN, Walter. Estética e sociologia da arte. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2017.

BERLEANT, Arnold. The Aesthetic Field: a phenomenology of aesthetic experience. Cybereditions, 2000.

CATALÀ DOMÈNECH, Josep M. La Imagen Compleja: la fenomenologia de las imágenes em la era de la cultura visual. Balleterra (Barcelona): Universitat Autònoma de Barcelona, 2005.

CATALÀ DOMÈNECH, Josep M. A forma do real. São Paulo: Summus, 2011.

CORTINA, Adela. Aporofobia, el rechazo al pobre. Barcelona: Espasa Libros, 2017. Edição eletrônica.

DIDI-HUBERMAN, Georges. O que vemos, o que nos olha. 2. ed. São Paulo: Editora 34, 2010.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Diante da Imagem. São Paulo: Editora 34, 2015.

GUSTIN, Miracy Barbosa de Sousa et.al. (Re)pensando a pesquisa jurídica: teoria e prática. 3. ed. Belo Horizonte: Editora Del Rey, 2010.

KOSSOY, Boris. Realidades e ficções na trama fotográfica. 5. ed. São Paulo: Ateliê Editorial, 2016.

LUHMANN, Niklas; DE GIORGI, Raffaele. Teoria de la Società. 11. ed. Milano: FrancoAngeli, 2003.

MARTINS, José de Souza. Sociologia da fotografia e da imagem. 2. ed. São Paulo: Contexto, 2017.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Fenomenologia da Percepção. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

MERLEAU-PONTY, Maurice. O primado da percepção e suas consequências filosóficas. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2015.

ROCHA, Ailton Schrmamm et. al.. Metodologia de pesquisa em Direito e a filosofia. São Paulo: Saraiva, 2011.

SONTAG, Susan. Sobre Fotografia. São Paulo: Companhia das Letras, 2004. Versão eletrônica.

SPINOZA, Benedictus de. Ética. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2017.

WATZLAWICK, Paul. A Realidade é Real? Lisboa: Relógio d´Água Editores, 1991.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n53.16666

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional