A mercantilização do conhecimento como um movimento em curso na contemporaneidade

Anderson Fernandes de Alencar, Moacir Gadotti

Resumo


Este trabalho apresenta resultados de tese de doutorado que teve por objetivo analisar as implicações dos movimentos pela mercantilização e democratização do conhecimento na Educação. Apresentamos aqui de que maneira o conhecimento, como bem imaterial, nasce “livre” e vai se tornando uma mercadoria por meio do movimento de mercantilização, que tem atuado, com maior evidência, nas artes (música e cinema), no entretenimento (games), na tecnologia (softwares) e na ciência (literatura científica). Para esta demonstração, perpassamos pela reflexão sobre o conhecimento, a mercadoria, a mercadoria como conhecimento, o histórico desse processo e as suas manifestações concretas em nosso tempo presente, seja por meio de esforços de manutenção do status quo ou da criação de novas mecanismos jurídicos ou tecnologia para a continuidade e ampliação dessa visão de mundo.

 


Palavras-chave


mercantilização; conhecimento; privatização; bens intelectuais; educação.

Texto completo:

PDF

Referências


ALENCAR, Anderson Fernandes de. Compartilhamento do conhecimento: desafios para a educação. 2012. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: http://10.11606/T.48.2012.tde-30012014-102711. Acesso em: 3 ago. 2021.

BRASIL. Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências. Brasília: Planalto, [2012]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9610.htm. Acesso em: 02 ago. 2021.

CHAUI, Marilena. Convite à Filosofia. São Paulo: Ática, 2000.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete“cientificismo”. Disponível em: https://houaiss.uol.com.br

/corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#6. Acesso em: 03 ago. 2021. Online.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete “conhecimento”. Disponível em: https://houaiss.uol.com.br/ corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#7. Acesso em: 02 ago. 2021. Online.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete “mercantilizar”. Disponível em: https://houaiss.uol.com.br/corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#8. Acesso em: 03 ago. 2021b. Online.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete “processo”. Disponível em: https://houaiss.uol.com.br/corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#9. Acesso em: 03 ago. 2021a. online.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete “propriedade”. Disponível em: https://houaiss.uol.com.br/corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#10. Acesso em: 03 ago. 2021c. Online.

DICIONÁRIO HOUAISS. Verbete “universidade”. Disponível em:

https://houaiss.uol.com.br/corporativo/apps/uol_www/v5-4/html/index.php#11. Acesso em: 01 ago. 2021d. Online.

ELSEVIER. Copyright support: “why does Elsevier request a transfer of copyright for subscription articles?”. Disponível em: https://www.elsevier.com/ data/assets/pdf_file/0007/55654/AuthorUserRights.pdf. Acesso em: 10 fev. 2014.

GADOTTI, Moacir. A escola e o professor: Paulo Freire e a paixão de ensinar. 1.ed. São Paulo: Publisher Brasil, 2007.

GADELHA, Sérgio. Bens públicos. Ponto dos cursos. Disponível em:

http://www.pontodosconcursos.com.br/admin/imagens/upload/1641_D.doc. Acesso em: 10 fev. 2014.

MACHADO, Nilson José. Conhecimento: entre a Mercadoria e a Dádiva. Projeto Reflexões, Rio Grande do Sul. 2007. Disponível em: http://www.pucrs.br/reflexoes/encontro/2007- 1/documentos/03-Conhecimento-Entre-a-Mercadoria-e-a-Dadiva-Nilson-Jose-Machado.pdf. Acesso em: 10 fev. 2014.

MARX, Karl. O Capital: Crítica da Economia Política (Tomo 1). São Paulo: Nova Cultural, 1996. Disponível em: http://www.histedbr.fae.unicamp.br/acer_fontes/acer_marx/ocapital- 1.pdf. Acesso em: 10 fev. 2014.

OLIVEIRA, Marcos Barbosa de. Ciência: força produtiva ou mercadoria? Crítica Marxista, São Paulo, n. 21, p. 77-96. 2005. Disponível em: http://www.ifch.unicamp.br/criticamarxista/

arquivos_biblioteca/artigo121critica21-A- oliveira.pdf. Acesso em: 10 fev. 2014.

ROSAS, Vanderlei de Barros. Afinal, o que é conhecimento? Mundo dos filósofos, 2003. Disponível em: http://www.mundodosfilosofos.com.br/vanderlei22.htm. Acesso em: 10 fev. 2014.

SILVEIRA, Sérgio Amadeu da. A mobilização colaborativa e a teoria da propriedade do bem intangível. Tese (Doutorado em Ciência Política), Departamento de Ciência Política da USP, São Paulo, 2005. Disponível em: http://wiki.softwarelivre.org/TeseSA/TeseIndice. Acesso em: 10 fev. 2014.

WIKIPÉDIA. Mercantilização da educação superior. Wikipédia. Disponível em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Mercantiliza%C3%A7%C3%A3o_da_educa%C3% A7%C3%A3o_superior. Acesso em: 10 fev. 2014.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n62.22006

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2022 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional