Dos usos do corpo nas práticas pedagógicas

Melissa Probst

Resumo


O corpo é objeto de estudo de diversas áreas do conhecimento, porém, esta pesquisa, de cunho teórico, pretende chamar a atenção para os usos do corpo na escola e seu lugar nas práticas pedagógicas. Parte-se da noção de que o corpo foi forjado a partir de discursos sobre padrões exigidos pelo conceito de civilização, passando, mais tarde, a ser visto sob a égide do mecanicismo. Na escola, atualmente, o corpo é ainda concebido sob a ótica do corpo produtivo, herança dos séculos XIX e XX. Unindo as concepções de corpo mecânico e de corpo civilizado, pode-se dizer que processo de escolarização é marcado por mudanças significativas na vida da criança. A partir dessa compreensão inicial, objetiva-se refletir sobre o corpo da criança na escola, a partir da perspectiva do devir, ou seja, do corpo como a base de percepção e organização da vida humana em todos os sentidos e dimensões.

Palavras-chave


Corpo, Escola, Disciplinamento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/dialogia.N14.3051

Direitos autorais



Dialogia

e-ISSN: 1983-9294
ISSN: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br

Dialogia ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional