Formação continuada de professores e Paulo Freire: sobre atualidade e necessidade

Janaina Aparecida de Mattos Almeida, Fernando José Martins, Gisele de Souza Gonçalves

Resumo


Este artigo apresenta apontamentos sobre a formação continuada de professores numa perspectiva contra hegemônica ao projeto político neoliberal da extrema direita das atuais políticas educacionais no Brasil. O alicerce teórico-metodológico que fundamenta este estudo é a obra de Paulo Freire, com ênfase na Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa (1996). Freire tem uma contribuição singular para o campo da formação de professores e a defesa incondicional da educação como processo ético, intelectual e político articulado entre teoria e prática, formando sujeitos transformadores da ordem social, econômica, social e cultural. As principais considerações do estudo abordam os desafios diante do retrocesso das políticas públicas para educação. Ressalta-se a aproximação dos conceitos que utilizamos como formação continuada com o conceito de formação permanente exposto na obra freireana, que também pode ser considerado, dado seu caráter ontológico, como uma categoria de análise. Reafirmamos a necessidade de ampliar e fortalecer os espaços de formação permanente de professores inseridos em um determinado contexto histórico, a partir de sua relação dialética.


Palavras-chave


formação continuada dos professores; Paulo Freire; Pedagogia da autonomia; práxis pedagógicas

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA. J. A. M. Política pública de formação continuada do professor: O PDE no Paraná. Implicações no trabalho docente. Curitiba: April, 2020.

FREITAS, Luiz Carlos. A Reforma Empresarial da Educação: Nova Direita, velhas ideias. São Paulo: Expressão Popular: 2018.

FREIRE, Paulo. Ação cultural para a liberdade. 5. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 17ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Esperança: Um reencontro com a Pedagogia do Oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

FREIRE, Paulo A educação na cidade. 7ª ed. São Paulo: Cortez, 2006.

FREIRE, Paulo. Política e educação: ensaios. 6ª ed. São Paulo: Cortez, 2001.

FREIRE, Paulo. Pedagogia dos sonhos possíveis. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2021.

FREIRE, Paulo. Professora sim, tia não: cartas a quem ousa ensinar. 14ª ed. São Paulo: Editora Olho d’Água, 2003.

KUENZER, A. Trabalho pedagógico: da fragmentação à unitariedade possível. IN: FERREIRA, N.C.; AGUIRAR, M. A. Para onde vão a orientação e a supervisão educacional? Campinas, Papirus, 2002.

IASI, M. O 31 de março de Jair Bolsonaro. Disponível em: https://blogdaboitempo.com.br/2020/03/13/o-31-de-marco-de-jair-bolsonaro. Acesso em, 13 de setembro de 2021.

MARTINS, Fernando José. A escola e a Educação do Campo. São Paulo: Pimenta Cultural, 2020.

SHIROMA, E.O.; MORAES, M.C.; EVANGELISTA, O. Política Educacional: o que você precisa saber sobre. 3.ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2004.

TRICHES, J. CERNY, R.Z. Os Rumos da Educação e as (Contra) Reformas: os Problemas Educacionais do Brasil Atual. Florianópolis: NUP/CED/UFSC, 2019.

OLIVEIRA, Maria Marly de. (Org.) Formação continuada de professores: dialogando com Paulo Freire. Recife: Edupe, 2021.

CRUZ, Lilian Moreira; MOURA, Edite Marques de; MENEZES, Claudia Celeste Lima. Costa. Contributos Freirianos para formação continuada de Professores/as em contexto de pandemia. Revista de Estudos em Educação e Diversidade - REED, v. 2, n. 5, 2021. p. 1-16.

SOARES, Maria Perpétua do Socorro Beserra. Formação permanente de professores: um estudo inspirado em Paulo Freire com docentes dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Revista Educação & Formação. v. 5, n. 13, 2019. p. 151–171.

LIMA, Taíssa Santos de. Formação de professores/as: uma análise da formação continuada a partir da proposta de formação permanente de educadores/as em Paulo Freire. Dissertação (Mestrado em Educação). João Pessoa: Universidade Federal da Paraíba, 2015. 143f.

SAUL, Alexandre. Para mudar a prática da formação continuada de educadores: uma pesquisa inspirada no referencial teórico-metodológico de Paulo Freire. Tese (Doutorado em Educação – Currículo) São Paulo: Pontifícia Universidade Católica, 2015. 207f.

DIÓGENES, Elione Maria Nogueira. PAZ, Sandra Regina. Paulo Freire: Giramundo, Palavramundo, Educamundo. In: OLIVEIRA, Maria Marly de. (Org.) Formação continuada de professores: dialogando com Paulo Freire. Recife: Edupe, 2021. p. 263-282.




DOI: https://doi.org/10.5585/42.2022.21629

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Dialogia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Dialogia

e-ISSN: 1983-9294
ISSN: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br

Dialogia ©2022 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional