A desconstrução da naturalização do conceito de gênero na formação de professores de Educação Física

Leandro Baroni Câmara Pontes, Cristina de Matos Martins, Sergio Roberto Silveira

Resumo


O presente trabalho apresenta um estudo longitudinal e analisa resultados obtidos na primeira fase do projeto “As questões de gênero na formação de professores para educação básica: um olhar transdisciplinar”, submetido ao edital de Consórcio Acadêmico para o Ensino de Graduação-CAEG, da Universidade de São Paulo (USP). O objeto de estudo consiste na desconstrução da naturalização do conceito de gênero na formação de professores de Educação Física, em função das constantes manifestações de preconceitos e da falta de informações a respeito do assunto, que impactam diretamente o cotidiano escolar. Trata-se de uma pesquisa de campo, descritiva e exploratória, de abordagem mista, com elementos de cunho qualitativo e quantitativo. O estudo evidenciou que a desconstrução da naturalização do conceito de gênero configura-se como um processo gradativo que requer esforços, ações e reflexões contínuas na preparação profissional.


Palavras-chave


Educação Física; gênero; formação pedagógica

Texto completo:

PDF

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. Tradução de Luís Antero Reta e Augusto Pinheiro. 70 ed. Lisboa, 1977.

BRASIL. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília: MEC, 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf . Acesso em 13 set. 2022.

ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE-EEFE, Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura, 2022. Disponível em: http://www.eefe.usp.br/sites/default/files/Gradua%C3%A7%C3%A3o_projeto%20pedag%C3%B3gico_ppp%20licenciatura%20em%20ef.pdf . Acesso em:13 set.2022.

ETO, J.; NEIRA, M. G. Em defesa de uma teoria pós-crítica de Educação Física. Pensar a Prática, Goiânia, v. 20, n. 3, 2017. DOI: https://doi.org/10.5216/rpp.v20i3.42732 . Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/42732 . Acesso em: 14 set. 2022.

FOUCAULT, M. Vigiar e punir: história da violência nas prisões. 41.ed. Petrópolis: Vozes, 2013.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5.ed. São Paulo: Atlas, 2010.

LOURO, G. L. Gênero, sexualidade e Educação: uma perspectiva pós-estruturalista. 1. ed. São Paulo: Vozes, 1997.

MARCON, D., Graça, A. B. dos S. e Nascimento, J. V. do (2011) “Critérios para a implementação de práticas pedagógicas na formação inicial em educação física e implicações no conhecimento pedagógico do conteúdo dos futuros professores”, Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, 25(3), p. 497-511. DOI: https://doi.org/10.1590/S1807-55092011000300013 . Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbefe/a/3sbCCjxprrqfz7cBLFXydhq/?lang=pt . Acesso em: 14 set. 2022.

MARCON, D., Graça, A. B. dos S. e Nascimento, J. V. O conhecimento do contexto na formação inicial em Educação Física. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte. 2013, v. 27, n. 4, pp. 633-645. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbefe/a/x5K3PCbxK7yP9dj4Sz4hFdq/?format=pdf〈=pt . Acesso em: 13 set. 2022

MOTTA, A.B. Gênero, idade e gerações. Caderno CRH, Salvador, v.17, n.42, p. 349-355, Set./Dez., 2004. Renato Aguiar. Rio de janeiro: Civilização Brasileira, 2003. DOI: https://doi.org/10.9771/ccrh.v17i42.18727 . Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/crh/article/view/18727 . Acesso em: 14 set. 2022.

RAMOS, V.; GRAÇA, A.B.S.; NASCIMENTO, J.V. O conhecimento pedagógico do conteúdo: estrutura e implicações à formação em educação física. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 22, n.2, p. 161-171, 2008. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/16691 . Acesso em: 12 set. 2022.

RANGEL-BETTI, I.C.; BETTI, M. Novas perspectivas na formação profissional em Educação Física. Motriz, v. 2, n. 1, Jun/1996. Disponível em: https://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/issue/view/V.%202%2C%20N.%201%20%281996%29 . Acesso em: 29 jun. 2022.

SCOTT, J. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Educação e Realidade. v. .20, n(2). 1995. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/article/view/71721 . Acesso em: 12 set. 2022.

SILVA, Marilda da. A complexidade da formação de professores: saberes teóricos e saberes práticos. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2009. (Coleção PROPG Digital - UNESP). ISBN 9788598605975. Disponível em: http://hdl.handle.net/11449/109316. Acesso em: 25 jul. 2021.

SILVEIRA, S.R. Educação física escolar adaptada. In: CORREIA, W.R.; SILVEIRA, S.R. (Org.). Educação física: conhecimento e especificidade. 1ed. Várzea Paulista: Fontoura, 2019, v. 1, p. 175-198.

SILVEIRA, S. R.; FREUDENHEIM, A. M.; BASSI, P.; OLIVEIRA, J. Ávila de. Núcleo de direitos humanos da Escola de Educação Física e Esporte da USP: uma perspectiva educativa. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, [S. l.], v. 34, n. Esp., p. 1-9, 2020. DOI: https://doi.org/10.11606/1807-5509202000034nesp001 . Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/173137 . Acesso em: 14 set. 2022.

SILVESTRE, A.L. Análise de dados e estatística descritiva. 1. Ed. Lisboa: Escolar Editora. 2007.

SOARES, Z.P.; MONTEIRO, S.S. Formação de professores/as em gênero e sexualidade: possibilidades e desafios. Educar em Revista, Curitiba, Brasil, v. 35, n. 73, p. 287-305, jan. /fev. 2019. DOI: https://doi.org/10.1590/0104-4060.61432 . Disponível em: https://www.scielo.br/j/er/a/KMSmJfk43rKWcRNHWHfWsfC/?lang=pt . Acesso em: 14 set. 2022.

TANI, G. Leituras em educação física: retratos de uma jornada. São Paulo: Phorte, 2011.

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO, Vice-reitoria Executiva de Administração. Anuário Estatístico da USP. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2021. Disponível em https://uspdigital.usp.br/anuario/AnuarioControle . Acesso em: 16 jun.2022.

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. Programa de Formação de Professores USP, 2004. Disponível em: https://www4.fe.usp.br/wp-content/uploads/programa-de-formacao-de-professores/programa-de-formacao-de-professores.pdf . Acesso em: 13 set. 2022.

VERAS, R.P.; CALDAS, C.P. Promovendo a saúde e a cidadania do idoso: o movimento das universidades da terceira idade. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 9, n. 2, p. 423-432, 2004. DOI: https://doi.org/10.1590/S1413-81232004000200018 . Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/tJz7rRmdQSWVbQCJLH5ZM6g/?lang=pt . Acesso em: 14 set. 2022.

VILARDAGA, A.F.; SILVEIRA, S.R. Gênero na formação de professores de educação física. CARDOSO, N.S.; MENDONÇA, S.G.L.; JOHANN, A.H.; LIMA, J.R. (Orgs.). VIII ENALIC. Nós passarinhos, eles passarão: formação docente em ação. Campina Grande: Realize, 2022, p.452-468. Disponível em: https://editorarealize.com.br/artigo/visualizar/85152 . Acesso em: 12 set. 2022.




DOI: https://doi.org/10.5585/42.2022.22466

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Dialogia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Dialogia

e-ISSN: 1983-9294
ISSN: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br

Dialogia ©2022 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional