O papel do coordenador pedagógico numa experiência de formação colaborativa de professores

Patricia Aparecida Bioto-Cavalcanti, Michele Pmentel Olim

Resumo


Neste artigo o foco de estudo é a atuação do coordenador pedagógico como elemento articulador numa experiência de formação colaborativa de professores num Centro de Educação Infantil (CEI) da rede municipal de ensino de São Paulo em 2018. Segundo as orientações para o planejamento Projetos especiais de Ação (PEAs), em se considerando a realidade do CEI, o tema foi o desenvolvimento infantil segundo Maria Montessori. Estabelecido o foco da pesquisa-formação, a pauta dos encontros manteve-se para os professores dos períodos da manhã e tarde, tendo sido comportadas alterações ocasionais durante o processo. Participaram do pesquisa-formação 45 professores da CEI mais a coordenadora pedagógica. Todos os dados foram posteriormente organizados e analisados em categorias de análise que emergiram das discussões dos encontros. Pode-se concluir da experiência que foi possível construir, (re) significar e (re) avaliar o trabalho pedagógico, mediado pela ação do coordenador.


Palavras-chave


Coordenador Pedagógico; Educação Infantil; Maria Montessori; Pesquisa-Formação.

Texto completo:

PDF

Referências


ARCE. A.; DANDOLINI, M. R. A formação de professores de Educação Infantil. Algumas questões para se pensar a profissional que atuará com crianças de 0 a 3 anos. In. ARCE, A.: MARTINS L. M. Ensinando aos pequenos de zero a três anos. Campinas: Alínea, 2009

BISSACO

BRASIL. Lei n. 9.394, de 26 de dezembro de 1996.Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). Brasília, 1996.

BRASIL. Lei n.º 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União de 26/6/2014, Seção 1, p. 1, Edição Extra.

CAMPOS, M.M. Questões sobre a formação de professores de educação infantil.Laplage em Revista, v.4, n. especial, p. 9-22, set./dez. 2018.

DAVIS, C.L.F.; NUNES, M.M.R. (orgs.). Formação continuada de professores: uma análise das modalidades e das práticas em estados e municípios brasileiros. São Paulo: FCC/DPE, 2012.

GIROTTO, V.C.; MELLO, R. O ensino da leitura em sala de aula com crianças: a tertúlia literária dialógica. Revista InterAção,v.37, 67-84. Disponível em: https://doi.org/10.5216/ia.v37i1.18869. Visualizado em: 20 fev 20.

LIBÂNEO, J.C. A identidade profissional dos professores e o desenvolvimento. In: Organização e gestão da escola: teoria e prática. 6 ed. São Paulo: Heccus Editora, 2015.

MONTESSORI, M. A criança. São Paulo: Círculo do Livro, 1936.

MONTESSORI, M. O ambiente. In. Pedagogia Científica: a

descoberta da criança. São Paulo: Flamboyant, 1965, p. 42-58.

NOVOA, A. Professores: imagens do futuro presente. Portugal: Educa, 2009.

ROSA, E. C. C. Projetos escolares como espaço de formação colaborativa: experiência de uma escola pública da Zona Leste de São Paulo. Dissertação de mestrado, 2017, Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2017.

SANTOS, E.O.Educaçãoonline:cibercultura e pesquisa-formação na prática docente. Tese (doutorado) –Universidade Federal da Bahia, 351 f. Bahia, 2005

SAVIANI, Demerval. Pedagogia: o espaço da educação na universidade. Cadernos de Pesquisa, v. 37, n. 130, p. 99-134, jan-abr 2007.

SÃO PAULO. Secretaria Municipal de Educação. Diretoria de Orientação Técnica. Orientação normativa nº 01: avaliação na educação infantil, aprimorando os olhares. São Paulo: SME/DOT, 2014.

SÃO PAULO. Portaria 901, de 24 de jan de 2014. Dispõe sobre Projetos Especiais de Ação (PEAs). São Paulo, jan 2014.

SÃO PAULO. Decreto Municipal nº 54.453, de 10 de outubro de 2013. Fixa as atribuições dos profissionais de educação que integram as equipes escolares das unidades educacionais da rede municipal de ensino. São Paulo: Diário Oficial da Cidade de 11/10/2014, p. 1-3.

SCHÖN, D. Educando o profissional reflexivo: um novo design para o ensino e a aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 14. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.




DOI: https://doi.org/10.5585/dialogia.n34.13973

Direitos autorais 2020 Dialogia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Dialogia

e-ISSN: 1983-9294
ISSN: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br

Dialogia ©2020 Todos os direitos reservados.