A concepção arquitetônica do Centro de Educação Unificado (CEU) Butantã impulsionando processos de apropriação e práticas de inclusão social

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5585/43.2023.22880

Palavras-chave:

CEU Butantã, arquitetura escolar, apropriação, inclusão social

Resumo

Este artigo objetiva externar como a concepção dos espaços arquitetônicos do complexo educacional, esportivo, social e cultural, CEU Butantã, da cidade de São Paulo, impulsiona processos de apropriação e práticas de inclusão social. Discorre sobre as matrizes do campo da educação que inspiraram o projeto e emprega a metodologia de entrevistas semiestruturadas com mães de crianças que estudam na unidade educacional EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil), para a verificação proposta. Faz parte da pesquisa, iniciada em 2018 e em andamento, intitulada “Lidando com Novos Espaços: Crianças e Adolescentes na Apropriação do Complexo Arquitetônico do CEU Butantã (São Paulo, Brasil)”, em parceria entre o Programa de Pós-Graduação em Educação, Arte e História da Cultura da Universidade Presbiteriana Mackenzie (Brasil), Alanus University Of Arts And Social Sciences e Siegen (Alemanha).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ingrid Hötte Ambrogi, Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM)

Doutora em História Social 

 

Lucia Helena Polleti Bettini, Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS

Doutora em Direito

 

Rosana Maria Pires Barbato Schwartz, Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM)

Doutora em História

 

Referências

ALMEIDA Júnior. Dados essenciais para a solução do problema, In: Novos prédios para Grupo Escolar, Secretaria dos Negócios da Educação e da Saúde Pública – Diretoria de Ensino,1936.

ARRUDA, A. R. P. ; SCHWARTZ, R. M. P. B. ; SOUZA NETO, J. C. ; NASCIMENTO, R. M. L. ; PEREZ, M. A. ; FICHTNER, B. . Children and adolescents in the appropriation of the architectural and social complex of CEU Butantã - São Paulo, Brazil. International Journal of Development Research, v. 11, p. 1, 2021.

AZEVEDO, Fernando. O ensino público em São Paulo. São Paulo: C&A Nacional, 1937.

DELIJAICOV, Alexandre et al. Escolas parque, Revista projeto design, arco web, www.revprojeto.com.br, acesso em 03/02/22.

DORIA J.e PEREZ, M. A., (org) Educação, CEU e Cidade, livraria do Arquiteto, 2007.

DUARTE, Hélio. Considerações sobre arquitetura e educação, In: Revista Acrópole, São Paulo, abril de 1956.

FDE, Arquitetura Escolar Política Educacional – os programas na atual administração do Estado, SP, 1998.

FDE, Escolas Estaduais de 1° Grau, Projetos arquitetônicos 96/97, São Paulo, 1997.

GOLDEMBERG, José. O repensar a educação no Brasil, Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo, Coleção Documentos, maio de 1993.

LIMA, Mayume W. S, Apud, FDE, Arquitetura Escolar Política Educacional – os programas na atual administração do Estado, S.P,1998.

NASCIMENTO, R. M. L. ; LOPES, L. A. ; SCHWARTZ, R. M. P. B. ; FOLLER-MANCINI, A.; ANDRADE, M. F. R. ; SILVA, M. T. C. ; SOUZA NETO, J. C. Human development and appropriation of the architectural and social space of the CEU Butantã in the city of São Paulo - Reports of a Research Experience. International Education & Research Journal, v. 7, p. 20-22, 2021.

SILVEIRA, Nise. A concepção educacional de Herbert Read, In: Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Jun 1973.

SULLIVAN, Louis. In: ARTIGAS, Vilanova. Caminhos da Arquitetura. Rio de Janeiro:.Cosac & Naify, 1999

Downloads

Publicado

23.01.2023

Como Citar

AMBROGI, Ingrid Hötte; POLLETI BETTINI, Lucia Helena; SCHWARTZ, Rosana Maria Pires Barbato. A concepção arquitetônica do Centro de Educação Unificado (CEU) Butantã impulsionando processos de apropriação e práticas de inclusão social. Dialogia, [S. l.], n. 43, p. e22880, 2023. DOI: 10.5585/43.2023.22880. Disponível em: https://periodicos.uninove.br/dialogia/article/view/22880. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos